COMO ESCOLHER O SISTEMA DE BANDEJAMENTO IDEAL PARA O SEU PROJETO

Para o projeto de infraestrutura de uma construção devemos sempre levar em consideração pontos fundamentais como os produtos e matérias-primas.

Nessa série de matérias que estamos publicando no nosso blog já falamos sobre encaminhamento e especificações para encaminhamento e organização de cabos

Hoje vamos dar dicas de como você deve escolher o sistema de bandejamento para o seu projeto, os produtos mais adequados e também as normas de segurança. Veja a seguir dicas importantes que preparamos para facilitar sua vida:

ESCOLHA DA ELETROCALHA

A escolha do modelo liso, perfurado, aramado, com ou sem tampa deve ser feita levando-se em conta fatores de segurança durante a operação, fatores econômicos na aquisição, montagem e manutenção como, por exemplo:

  • •Necessidade de ventilação;
  • •Acúmulo de partículas em suspensão presentes no ambiente e que apresentam risco de incêndio;
  • •Acúmulo de água em caso de instalação ao tempo ou sujeitas a frequentes lavagens tais como nas indústrias alimentícias;
  • •Presença de animais roedores ou pássaros;
  • •Presença de pessoas não habilitadas;
  • •Exposição a umidade;
  • •Entre outros

Como determinar o bandejamento apropriada a Instalação?

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

Para determinar qual a melhor opção de encaminhamento a ser utilizada na instalação, a norma NBR 5410 não estabelece limites de ocupação para uma quantidade de cabos, recomendando apenas que os cabos sejam dispostos em uma única camada e que não seja excedido determinado volume de material combustível por metro linear de linha elétrica.

Com base nestas informações, o responsável pela instalação deve seguir os passos a seguir:

1) Calcular a seção (S) total dos cabos através do quadrado do seu diâmetro externo (D), pois devemos considerar os espaços vazios entre os cabos. Indicamos que o valor de D seja obtido através de informações do fabricante do cabo, pois esses valores podem variar de acordo com cada fornecedor.
S = D² Equivale à área de um quadrado (1)

2) Para determinar a seção mínima necessária (Sc) para a eletrocalha, deve-se considerar um “coeficiente de enchimento” (k) igual a 1,4 para cabos de potência e 1,2 para cabos de controle.

3) Recomenda-se considerar um “fator de reserva” (a) visando futuras expansões. Sugerimos utilizar a=20%. Caso opte por não prever reserva a=0%.
De posse dessas informações, a seção mínima do bandejamento (Sc) é obtida através da fórmula abaixo.
Onde:

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

ΣS = soma das seções dos cabos utilizados
k = coeficiente de enchimento
a = fator de reserva (em %)

4) Com base nesta informação deve-se escolher um bandejamento com área útil superior ao encontrado para Sc. Na Tabela 1 damos o exemplos das Eletrocalhas Legrand

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

5) Conhecido o aspecto geométrico, é preciso conferir também o aspecto mecânico. Através de informações do fabricante dos cabos, deve-se somar o peso líquido nominal (P) dos cabos que estão sendo utilizados. Essa carga normalmente é informada em unidades de peso por comprimento (kg/m ou kg/km). Caso a unidade informada seja em kg/km, deve-se dividir esse valor por 1000 para adequar às unidades desse guia.

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

6) Conhecido o peso total precisamos confrontar com os dados da Eletrocalha escolhida no passo 4 e verificar se ela suporta a exigência de peso especificada.

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

Exemplo:

Dimensionar qual a eletrocalha mais apropriada para conter 20 cabos unipolares de cobre, com isolamento e cobertura PVC de 120mm². Admitindo que o fator de reserva (a) seja igual a 20%.

Resolução: Como se trata de um cabo de potência, então o valor de k é igual a 1,4.

Como escolher o sistema de bandejamento ideal para o seu projeto

1) De acordo com o catálogo do fabricante do cabo, temos que
D = 19mm, então:
S = 19²
S = 361 mm²

2) Com base na informação anterior, consegue-se calcular a seção mínima (Sc) da eletrocalha a utilizar.
Sc = (20.361) . 1,4 X (100 + 20/100)
Sc = 12.130 mm²

Utilizando a tabela 1, verifica-se que os modelos apropriados para comportar todos os cabos podem ser as eletrocalhas de 150×100; 200×75 e 300×50.

4) Conforme o catálogo do fabricante, o peso líquido nominal desse cabo equivale a 1139 kg/km.
P cabo = 1139/1000
P cabo = 1,139 kg/m total = 20 X 1,139
P total = 22,78 kg/m

5) Através da Tabela 2, é possível determinar qual a melhor eletrocalha dentre os três modelos selecionados, para atender essa necessidade.

Nesse caso, pode-se utilizar qualquer modelo dentre os três selecionados, pois o peso admitido atende ao calculado.

A tabela 2 abaixo apresenta a oferta de Eletrocalhas e acessórios disponíveis nos acabamentos Pré Galvanizado (PG) e Galvanizado a Fogo ( GF).

Fonte e credibilidade: http://www.legrand.com.br/blog/noticias/referencias/como-escolher-o-sistema-de-bandejamento-ideal-para-o-seu-projeto