Como Funciona um Disjuntor Termomagnético?

Como funciona um disjuntor termomagnético? Esse dispositivo de proteção tem a finalidade de proteger um determinado circuito

Neste artigo falarei mais precisamente sobre como o mesmo atua, protege circuitos e o que acontece internamente para que o mesmo realize as devidas proteções.

Disjuntor Termomagnetico – Para que serve?

Em outros artigos entrarei mais a fundo sobre como dimensionar um disjuntor, mas de forma simplificada e resumida, a função do disjuntor é proteger os condutores elétricos que por sua vez alimentam determinadas cargas.

Logicamente os dados técnicos de cada carga presente em um circuito são fundamentais para o dimensionamento do disjuntor, a partir da corrente elétrica de um circuito, dimensiona-se o condutor elétrico, e em função dos dados técnicos do condutor dimensiona-se o disjuntor.

Também existem outros fatores como Curvas de Disjuntores B, C e D, curto-circuito, porém como já dito esses serão aprofundados em outros artigos.

Proteção Térmica e Proteção Magnética

Existem disjuntores que possuem somente a proteção térmica, os famosos disjuntores térmicos e também existe o disjuntor magnético.

Para o disjuntor termomagnético, o nome já indica que o mesmo tem as duas proteções no mesmo dispositivo, ou seja, em um único dispositivo de proteção temos a proteção por efeito térmico e magnético.

O mercado aceitou muito bem este dispositivo, então além deste disjuntor possuir duas funções importantes, ele ainda se torna mais barato quando comparado ao disjuntor magnético.

Já no caso do disjuntor térmico o preço é mais parecido, porém o térmico deixa a desejar por proteger apenas contra sobrecorrente.

No mercado da eletricidade, existem diversos tipos de disjuntores além do termomagnético, isso ocorre devido ao tipo de aplicação.

Analisando os setores residenciais, prediais e industriais, podemos ver variações de modelos, como por exemplo, disjuntor termomagnético comum, disjuntor-motor e disjuntor de caixa moldada.

Dificilmente você verá um disjuntor de caixa moldada em um quadro de uma casa residencial comum por exemplo, se não sabe o que é disjuntor de caixa moldada, me acompanhe pelas Mídias Sociais que também falaremos mais deste tipo de componente em breve.

Como Funcionamento um Disjuntor Termomagnético?

Proteção Térmica

Como funciona um disjuntor termomagnetico1

A proteção Térmica é feita pela chapa/barramento mostrada na figura acima, este componente interno é responsável pela proteção térmica.

A corrente elétrica percorre por este componente e gera um fenômeno muito conhecido, o efeito joule, ou seja o barramento sofre um aquecimento liberando energia na forma de calor, isso é originado pela corrente elétrica.

Vou dar um exemplo de um disjuntor cuja a corrente é de 10A, neste caso para correntes menores ou igual (I ≤ 10A), a chapa bimetálica suportará o aquecimento sem mudar a sua característica mecânica, ou seja a sua forma física permanece a mesma.

Caso a corrente ultrapasse o valor de 10A e permaneça constante (sobrecorrente/sobrecarga), o efeito joule sofrido pela chapa bimetálica irá aumentar além do nível nominal, quando isso ocorrer, a chapa mudará a sua forma, neste momento a mesma irá empenar (encurvar) de modo que esta, entrará em contato com o mecanismo interno do disjuntor e por fim provocando o desligamento do disjuntor. 

Proteção Magnética

Como funciona um disjuntor termomagnetico2

A Proteção Magnética é feita por um indutor (bobina) em conjunto com um pistão metálico, o pistão metálico fica posicionado dentro da bobina, sendo que este não tem contato físico com a bobina.

Como todos os profissional da área elétrica sabem ou deveriam saber, quando a corrente elétrica percorre por um um cabo elétrico, um campo magnético é criado ao redor do mesmo.

Como funciona um disjuntor termomagnetico2

Mesmo em condição nominal, ou seja corrente com valor ≤ a corrente nominal do disjuntor, o campo magnético deste indutor está presente, no momento em que acontece um curto-circuito, a corrente se eleva rapidamente e com um valor bem alto quando comparado com a corrente nominal, no momento do curto-circuito o campo magnético do indutor tem um aumento proporcional ao pico de corrente, esse campo magnético induz o pistão metálico de tal forma que o mesmo se movimenta como se fosse um ímã.

Neste movimento o pistão empurra o mecanismo do disjuntor, fazendo com que o mesmo desarme e faça a proteção do circuito, desta forma o circuito é protegido contra curto-circuito pela proteção magnética.

É importante destacar que todo esse processo ocorre de maneira muito rápida.

Fonte e credibilidade: https://escoladaeletrica.com/como-funciona-um-disjuntor-termomagnetico/